16.2.09

DIA 47

Só, cada vez mais só, infinitamente só, tão só que nem comigo próprio consiga estar. E à minha passagem serei eu o primeiro a assobiar para o lado.

2 Comments:

At 10:11 da manhã, Blogger sara rocio said...

Nem penses!
No mundo dos sós estaremos sempre acompanhados.
Bom dia 47!

 
At 11:02 da manhã, Blogger etanol said...

Que exagero! O António Nobre é que é o homem mais só de Portugal e os seus poemasinhos são uma chatisse!
;)
Maria João

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home