25.2.07

Diálogo de um filósofo cristão e de um filósofo chinês

Roubo o título a Nicolas Malebranche para lembrar que entre o dia e a noite há sempre um sol que se põe. O filósofo cristão dirá que esse sol é o Ser infinito em sentido absoluto, enquanto para o chinês aquele Ser infinito em sentido absoluto de que fala o cristão não passa de uma mera ficção. O mais engraçado é que enquanto os dois discutem mais um sol se põe entre o dia e a noite.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home