29.5.06

As minhas acções são a minha única pertença. Não posso fugir às consequências das minhas acções. As minhas acções são o chão que piso.
(mp, lembrando Budha)

1 Comments:

At 11:30 da tarde, Blogger manuel a. domingos said...

a minha poesia é a minha única pertença. não posso fugir às consequências da minha poesia. a minha poesia é o chão que piso. Budha que me perdoe.

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home