10.2.07

REVELAÇÃO


Resulta nisto:
a minha taça cheia de chá verde a fumegar.
Basho senta-se a meu lado com ohashi,
esperando por Reiko para trazer
o Nikku Nabe, o sake, alguma cerveja Kirin,

O haiku virá mais tarde.
Depois do jantar & de
um charuto Havatampa.


Tradução de Manuel de Seabra.

David Meltzer

David Meltzer nasceu em Rochester, Nova Iorque, no ano de 1937. Começou a sua carreira literária em São Francisco, nos dias áureos da Beat Generation, lendo poesia em clubes de jazz. Foi um poeta bastante activo, tendo escrito mais de 50 livros em menos de 25 anos, quase todos publicados em pequenas editoras como a City Lights ou a Unicorn Press. Revelado como poeta em 1956 com Ragas, alcançou êxito em 1965 com The Process. É também autor de alguns livros sobre jazz e várias antologias de entrevistas e poemas da Geração Beat.

2 Comments:

At 4:52 da tarde, Anonymous sara monteiro said...

Ora! Com estas palavras é fácil escrever um poema. Ele fica feito por si.
chá verde
fumegar
taça
haiku
Reiko
Nikku Nabe
Kirin
Basho
Havatampa
Assim também eu!
:)(estou + ou - a brincar)
Vou até ao Espaço

 
At 3:44 da tarde, Blogger hmbf said...

Eu não. :)

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home