4.11.07

EMPERNAR

Empernar é assim como que entrelaçar as pernas debaixo da mesa, afagar o chambão pela calada, tocar com o dedo do pé na alegria húmida. Empernar é uma grande sacanice, é esperar que alguém se venha pelos olhos enquanto cala o gesto adúltero. É verdade que quem emperna arrisca-se a uma grande desvergonha, a levar forte par de estalos na tromba façanhuda. Mas também é verdade que quem não emperna não petisca.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home