26.1.06

Num comentário

Alguém diz que o Insónia é demasiado ecuménico. Concordo, principalmente por não ver nisso defeito algum. Vejo antes feitio. Não obstante, também tenho os meus ódios de estimação: os ditadores, os burgessos (chico-espertos, se preferirem), os machistas, os snobes, a burguesia de que falava Pasolini, os «brutos que me convidam a converter-me», como diria Artaud, os arrivistas, os racistas e os demais que quem frequenta com assiduidade o Insónia saberá. Daí que a ter uma máxima, a deste weblog poderia ser: «o livre-pensamento em oposição a todas as formas de religião e de comunitarismo, a desconfiança e a suspeição, se não mesmo o ódio, em relação a tudo o que é gregário». (Michel Onfray)

4 Comments:

At 9:37 da tarde, Blogger jpt said...

ó meu caro, há lá algo de mais gregário do que blogar ....

 
At 12:27 da manhã, Anonymous hmbf said...

jpt: se isto é gregário, vou ali já venho. mas vou mesmo..

 
At 11:10 da manhã, Blogger jpt said...

deixe-se estar, que o pessoal acompanha

 
At 1:16 da tarde, Anonymous hmbf said...

já fui e já voltei. :)

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home