8.5.06

Grande Prémio do Conto «Camilo Castelo Branco» 2006 da APE:

Paulo Kellerman nasceu em Leiria, em 1974. Escreve contos, estórias e histórias. Não compreende quem considera a narrativa curta uma forma literária inferior ao romance ou à poesia. Colabora aqui e ali, publica onde calha, faz pela vida. De certo modo, anda à deriva... O Paulo percorreu o seu calvário. O Paulo escreveu um livro de mini-contos. O Paulo tem um weblog. O Paulo publicou um livro de contos intitulado Gastar Palavras. O Paulo deu uma entrevista. O Paulo é cada vez mais Paulo Kellerman. Parabéns, Paulo... Kellerman. Este foi o meu primeiro livro do Paulo Kellerman. Lá dentro, esta estória com o título Competição entre parêntesis : «Era uma vez um velho reformado que vivia num lar de idosos, infeliz e muito revoltado por a sua vida ter sido o que fora, uma perda de tempo, e ele ser o único responsável por isso. Restava-lhe passar o seu tempo a lamentar-se pelas maravilhas que poderia ter vivido caso não tivesse sido palerma. Até que também isso lhe retiraram. Aconteceu com a chegada de novo idoso que, logo se soube, tivera uma vida miserável. Passaram o tempo a comparar pormenores, numa violenta competição pela decisão sobre qual fora o mais desgraçado. Morreram felizes, porque ambos se julgaram vencedores.»

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home