24.9.07

O ERRO DE KANT

Pretender que as acções de um indivíduo sejam universalmente aceitáveis. Tanta desgraça à custa de pensarmos que há acções universalizáveis. Só uma regra é possível: agir de forma que as minhas acções firam o menos possível os outros.

1 Comments:

At 1:46 da tarde, Anonymous leitor nº4532 said...

O refrão wiccan vem-me à mente: "An it harm none, do what ye will."

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home