12.9.08

CONTARAM-ME HÁ DIAS

Esta história deliciosa, que podia ser anedota mas não é. Conto-a destemidamente porque sou leitor assíduo do autor em causa e não me parece que o facto tenha o que quer que seja de ofensivo. Gonçalo M. Tavares encontra-se sentado, na Feira do Livro de Lagos, para uma sessão de autógrafos. Uma jovem aproxima-se com um livro. Gonçalo olha o livro com alguma perplexidade, encolhe os ombros e comenta qualquer coisa do género: este não fui eu que escrevi. A mãe da jovem aproxima-se e pergunta a Gonçalo: não é aqui que se paga?

2 Comments:

At 6:41 da tarde, Blogger MC said...

:)

delicioso.

Eu, por exemplo, não sou nada de pedir autógrafos. Acho que nem é por mal. Uma réstea de timidez.

 
At 11:40 da tarde, Blogger sem-se-ver said...

ahahahah

lindo :-)

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home