10.7.06

Suma da perfeição

Esquecer o que é criado,
Memória do Criador,
Atenção ao interior
E sempre amar o Amado.

Versão de Victor Oliveira Mateus.

São João da Cruz

São João da Cruz nasceu em 1542 em Fontiveros, em Espanha. Em 1548, a família mudou-se para Arévalo, transferindo-se, em 1551, para Medina del Campo. Entre 1559 a 1563, São João da Cruz estudou Humanidades com os Jesuítas. Ingressou na Ordem dos Carmelitas aos vinte e um anos de idade. Pensa em tornar-se irmão leigo, mas os seus superiores não o permitiram. Tendo concluído com êxito os estudos teológicos, em 1567 ordenou-se sacerdote e celebrou a sua Primeira Missa. No entanto, ficou muito desiludido pelo relaxamento da vida monástica em que viviam os Conventos Carmelitas. Decepcionado, tentou passar para a Ordem dos Cartuxos, ordem muito austera. Em Setembro de 1567 encontrou-se com Santa Teresa de Ávila, que lhe falou sobre o projecto de estender a Reforma da Ordem Carmelita também aos padres. O jovem de apenas vinte e cinco anos de idade aceitou o desafio. O desejo de voltar à mística religiosidade do deserto custou ao santo fundador maus-tratos físicos e difamações. Em 1577 foi preso por oito meses no cárcere de Toledo. Nessas trevas exteriores acendeu-se-lhe a chama da sua poesia espiritual. »

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home