27.3.07

O INVESTIGADOR É UMA AMEBA



- Os investigadores existem. No entanto vejo-me obrigado a dizer que a verdade é: os investigadores não são úteis à investigação.

- A investigação investiga-se sozinha – fim aos subsídios de investigação, aos gabinetes de investigação, aos relatórios, artigos, cooperações.

- A investigação só serve para inventar novos problemas (incluindo: ter que morar no mesmo prédio de um investigador; ouvi-lo a declarar a sua fidelidade aos ratinhos)

- Os investigadores são uns mirones de lente em punho a devassar a vida dos outros – É EVIDENTE QUE OS MICRÓBIOS E AS ESTRELAS NÃO SE COMPORTAM DA MESMA MANEIRA QUANDO SABEM QUE ESTÃO A SER OBSERVADOS.

- Os investigadores são depressivos que só se divertem com o que ainda não sabem. A psicanálise explica isto: o universo conhecido não gosta deles.

- É por causa dos investigadores que continuamos a adiar o fim do mundo: passam a vida a pedir mais prazo para concluírem as suas investigações.

- Se vires um investigador, dispara duas vezes. Com um pouco de sorte eliminas também o seu melhor colaborador.



Rui Costa

4 Comments:

At 5:32 da tarde, Anonymous Lídia said...

Tens aqui o meu peito.
Mas também pode ser na cabeça.
De qualquer forma deixo-te duas balas de prata.

 
At 6:45 da tarde, Anonymous Anónimo said...

esperarei a minha vez na fila, não me ponho ao lado da lídia por não ser sua colaboradora.
certamente a minha vez chegará.
aurora

 
At 12:44 da tarde, Blogger n'sample said...

esta frase:

"É EVIDENTE QUE OS MICRÓBIOS E AS ESTRELAS NÃO SE COMPORTAM DA MESMA MANEIRA QUANDO SABEM QUE ESTÃO A SER OBSERVADOS"

.. matou-me de riso!! :)

 
At 8:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

lidia: tens uns bons textos em prosa no teu blog.

aurora: pra ti pode ser uma balinha de papel.

n'sample: gostei dos teus cartazes.

Rui Costa

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home