24.6.07

O QUE FALTA A LISBOA?



O Museu da Cidade foi um dos muitos edifícios recuperados pela Câmara no mandato de J. Sampaio.


Com Jorge Sampaio surgiram novos espaços verdes e os jardins estão melhor arranjados.

A habitação tem sido a primeira prioridade da C. M. L. presidida por Jorge Sampaio.


Nota: Todos estes postais de campanha são uma autêntica pérola da propaganda política nacional. Chamo a vossa atenção para a palavra «edifícios» no primeiro dos três. Depois reparem nas velhas árvores dos "novos jardins". Todavia, não desfazendo, agrada-me especialmente o último postal, não só pelo patente contraste entre as barracas demolidas e o belo exemplar de habitação social ao fundo, mas pelo facto, reparem bem, do "condutor" da escavadora estar claramente a pousar para a fotografia, de óculos de sol, camisa branca e calças de ganga. Trabalho à portuguesa, meus senhores!

1 Comments:

At 2:59 da tarde, Blogger Ultraperiférico said...

A Lisboa não falta sequer estes letterings extraordinários, "em itálico saloio".
Falta um presidente de câmara como Sampaio foi, sim!
Falta cosmopolitismo, sim!
Falta abrir hoje o Museu Berardo, a ver se as coisas mudam, sim!

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home