12.1.09

UM SAPATO PARA MUDAR O MUNDO (2)


1. Jovens portugueses desempregados e com qualificações na área da cultura vão poder candidatar-se a estágios no estrangeiro. Diz o Público de 09.01.2009, que informa ainda, no título da notícia, haver “450 estágios” disponíveis.

2. Parece uma medida eficaz contra o desemprego: enviar os desempregados para o estrangeiro. Aliás, todos os desempregados poderiam ser considerados estrangeiros no momento em que abandonam o território nacional, devendo, em consequência, ser impedidos de regressar ao nosso país no fim do estágio (a não ser, enfim, como turistas, mas depois de arranjarem emprego “lá fora”).

3. Aos desempregados de todas as áreas (e não apenas da área da cultura) juntar-se-iam, naturalmente, todos os trabalhadores em situação precária, com excepção da dona fernanda cá do prédio e de todas as pessoas (as pessoas que nos amam e que nós ajudamos com a graça de fazer o bem) que preservam a ruralidade essencial à nossa boa terra portuguesa.

4. Finalmente, seria bom que todos os portugueses abandonassem o país. Não vou adiantar muito mais sobre o assunto, porque eu mesmo me encontro neste momento a abandonar o país. Estou neste preciso momento a abandonar o país e seria bom que todos seguissem o meu exemplo. Foi bom nascer neste arrebol.


Rui Costa

2 Comments:

At 12:06 da manhã, Blogger etanol said...

Abandonar o país é a unica forma de combater o desemprego!
:)
Maria João

 
At 5:42 da tarde, Blogger Vitor_Vicente said...

Boas saídas. :)

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home