21.1.08

INÉDITOS DE JORGE AGUIAR OLIVEIRA

A 26 de Março publiquei aqui o seguinte aviso: “A dezassete do último mês de Janeiro, escrevi ao Henrique Fialho pedindo-lhe guarida para os meus poemas inéditos no Insónia. A sua resposta foi generosa como se constata. Desde então, três poemas por semana têm vindo a partilhar a sua própria luz, num caudal de desejo, onde a foz é um livro.
A partir de hoje, os poemas já editados bem como os próximos, serão arrumados de acordo com a construção momentânea do livro. O mesmo sustenta um título de gratidão: Insónia em Segunda Mão.
Até ao final (?) tudo estará em aberto. Tanto para introduzir alterações na escrita, no aniquilamento público de poemas, ou até mesmo, na tomada de decisão pela não edição do livro. Logo se verá.
Aproveito para agradecer a todos os que têm expressado opinião sobre os meus escritos e dizer-lhes que não me salvando desta malfadada tristeza que carrego, são no entanto suaves festas no rosto de minha alma.”.
O poema publicado hoje “DE COTOVELOS NO PARAPEITO” é o último. Algo me diz para ficar por aqui.
Informo os navegantes que só voltei a ler (de corrida) alguns dos meus poemas aqui editados uma única vez. Chegou o tempo de partir, refugiando-me algures com os escritos e rever tudo. Logo se verá o resultado. Se um livro, ou regressar a este blogue (se o Henrique continuar a dar-me abrigo) e continuá-los se entender ser cedo para a impressão tipográfica. No próximo dia 1 de Setembro voltarei a dar notícias. Até lá, continuação de boa saúde ao Insónia!

Jorge Aguiar Oliveira
Lisboa, 22 de Junho de 2008. Portugal.

TÍTULO
Insónia em Segunda Mão



PRIMEIRA PARTE
UM RESTO A CONTA-GOTAS

SEGUNDA PARTE
TIROS EM PELE DE GALINHA

TEMOS FOME, MERDA!
SOBREVIVÊNCIA A BRANCO E PRETO
O HEMICICLO DOS ROEDORES
GANGUES DE BADALHOCOS
ESFÉRICO ARMILAR
DE TRELA PARA A CELA
RATAZANA JOLI
GRANDE GAITA
CONFERÊNCIA COCO CAJU
AEROPORTO DE PAPELÃO
REMÉDIO SPA
PROFESSOR LHIT
VOU DANÇAR TEU FUNANÁ
OS RINOPIT BULL
CARJACKING, TRAILER 1
P DE FACA E TACHO
ARRABALDE MONÓTONO
DEI POR ISSO… SÍLVIO VARTIN
FORA DO PENICO
O CONTROL DOS ESCRAVOS

TERCEIRA PARTE
GUIÕES PARA CURTAS METRAGENS SOBRE FÊMEAS

CHARRO TÁS MAL
EM LISBOA, TUDO NA MAIOR
UM SIM ONLINE
CHOCOLATE SAUDADE
GANDA MALUCONA
VITÓRIA NEGRA
A SANDIE SHAW DE CAMPO DE OURIQUE
TRADUÇÃO ENCRAVADA
UMA CARTA MORTA
FITA PRETA NO BRAÇO
SANDES DE CHOURIÇO
PIZZA PARAÍSO
O PERFUME DO DIABO
INFECTADA MELOPEIA
QUEM ME DERA UM FÃ ASSIM
VINGANÇAS & COBARDIAS
BRAÇO DADO COM O MORTO
MARIONETA ZEN
UM GOLPE NA RACHADA
A LI E A LU

QUARTA PARTE
CAIXOTES E RELICÁRIOS DE LIXO

CONTENTOR CRIOL
NA ÓRBITA DO PIÃO
FOTOCÓPIA GATUNA
ERROS
ILHÉU DO COSMOS
GRATO
GUARDANAPO
FARRAPO DE TEMPO
JOANINHA CENTIMETROSEXUAL
TCHEKA PAIXÃO
SMSúplica
SOPRO DE LUZ MORIBUNDA
MODINHA BICHAROLA
NEM NEM
PROMOÇÃO DO CARALHO
POST-ITS COM SOM DE SÓ
CAIXOTES DE RAÇÃO
DIAS EM QUEDA
OBSESSIVO VERME

1 Comments:

At 7:59 da tarde, Blogger etanol said...

Benvindo ao Insónia!
Maria João

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home